14 junho

Para emagrecer substitua alimentos, para ser mais sexy substitua comportamentos!

Quem aí já quis emagrecer e escutou que deveria melhorar a dieta? Uma das coisas que mais se fala é substituição de alimentos, não é mesmo? Trocar o pão francês quentinho e maravilhoso por pão integral com quinoa do alasca, trocar o refri pretinho por suco detox de rúcula com ovos chineses, trocar o açúcar por um líquido sabor xarope expectorante e por aí vai.

Brincadeiras a parte, para se conseguir resultados na vida é necessário mudar a forma que se faz alguma coisa. Adaptei uma frase que escuto muito por aí (dizem que foi o Einstein que disse) que vai introduzir bem o que quero dizer com isso: “A maior burrice do ser humano é fazer várias vezes a mesma coisa da mesma forma esperando resultados diferentes”.

Ou seja, seja pra emagrecer, pra conquistar algo, ou até mesmo para sentir-se mais sexy, MUDE ALGUMA COISA, ou então os resultados serão sempre os mesmos. Fui clara?

Sem essa de síndrome de Gabriela: “Eu nasci assim, eu cresci e blablablá!” Chato! Não, você não é refém de sua personalidade e nem está condenada a ser uma garotinha (esperando o ônibus da escola sozinha) aguada só porque ninguém te ensinou a ser diferente a vida inteira. Bora mudar! Quer se sentir mais sexy? Vem comigo!

Em conversas com alguns amig@s e clientes que são ótimos filósofos na arte de falar da sensualidade feminina, e também de olho em pesquisas e leituras aleatórias surgiu essa lista com os pontos mais relevantes sobre o assunto. Claro que não quero dar a palavra final sobre o assunto, pois a sua sensualidade é você quem monta.

Mas, de algum lugar você precisa começar não é? Segue o raciocínio comigo e vai anotando o que você vai ter que substituir na sua “dieta” da sensualidade.

Você que já tentou emagrecer ou engordar, já deve ter percebido que fazer uma reeducação alimentar é muito mais eficaz do que fazer uma dieta isoladamente. Vou propor então uma reeducação comportamental, com substituição dos principais alimentos, ops, comportamentos para você alcançar seu objetivo maior: sentir-se mais sensual, mais sexy, mais o que você quiser. Vale uma observação: Sensualidade é uma planta que cresce dentro de nós mesmas e por consequência ela aparece pro mundão lá fora. Ou seja, de dentro pra fora! Entendidas? Vamos lá!

Reeducação Comportamental. Trocar os seguintes comportamentos todas as vezes que ele aparecer no dia. Sem restrição, pode exagerar na boa!

1 – Substitua o comodismo por investimento

Voltemos à síndrome de Gabriela. Tá legal que você nasceu assim, mas se você está lendo isso é porque algo precisa ser mudado. No que você quer ser melhor?

“Ah Marcelle, quero ser mais confiante no ato sexual.” Procura um curso de pompoarismo (jabá, eu dou o curso), leia livros sobre o assunto, assista vídeos. Isso serve para várias áreas da vida. O que não vale é ficar na vontade. Corra na frente! Realize! Invista em você. Busque ser melhor e não pare até encontrar sua melhor performance! Ui!

2 – Substitua sua autopiedade por autoconfiança

Isso é pra ontem! Uma mulher autoconfiante não combina com discurso interno “pobre de mim”, “oh céus”, “não tive a sorte de fulana na vida”, “nossa mas com o corpo que ela tem, até eu”.

PARA! Olha pra dentro de você e veja quanta sorte tem. Só para início de conversa, você está viva e tendo oportunidade de ler isso. Tenha comportamentos e falas de quem confia no próprio “taco”. Como vender um produto que você não usaria? Se nem você se dá valor, quem vai dar? Troque as frases de mimimi interno por: “Eu consigo chegar onde quero”, “Eu aprendo quando erro”, “Sou todo dia uma pessoa melhor” e por aí vai. Sobe no salto 15 e nunca mais desça! Entendendo isso já é um ganho enorme na sua reeducação.

3 – Substitua seu desleixo moral por autorrespeito

Já escrevi um texto sobre isso. A mulher que não se respeita sente-se invadida, incompleta, está sempre insatisfeita com tudo e irradia mau humor. Se tem algo na sua vida que te tira o brilho nos olhos, não arranque seus olhos, mas corte o mal pela raiz! Pense naquele peguete mala que só te dá dor de cabeça e incertezas, aquele emprego maldito que te faz passar por cima dos seus princípios todo santo dia, aquele guarda roupa cheio de tralha que só faz acumular energia ruim. Sei lá! Seja no que você estiver se desrespeitando, acabe com isso agora.

4 – Substitua suas autocríticas por amor próprio

Engraçado que pra muitas mulheres é muito fácil amar @ parceir@ do “jeitinho” que ela é!
(Ainda ressalta do “jeitinho” e faz cara fofinha #Afff). E quando se olha no espelho só sabe colocar defeito: “Nossa, quanta ruga atras do meu supercílio”, “ai esse cabelo é péssimo”. PARA DENOVO!

Se amar não é um conselho nem uma dica, é uma obrigação! Dentro do amor próprio está o valor que você se dá, sabia disso? Responde pra mim: por que os perfumes da Dior são mais caros do que os vendidos na loja de cosmético da esquina? Quase o mesmo cheiro! Ah mas Dior vale mais, é original, é feitos dos melhores grãos e blablabla! Seja você a versão original de você mesma e se ame do “jeitinho” que você é! Ame seu corpo, sua pele, sua personalidade, sua história, ame tudo em você. Não existe mulher sexy de verdade que não se ama. Seja a gostosa que você é!

5 – Substitua sua infantilidade por maturidade

Uma mulher sensual é madura o suficiente para assumir as consequências de seus atos e está pronta para enxergar a realidade serenamente. Sabe aquela colega que namora um traste e parece que não quer ver as besteiras que o cara faz? Pura imaturidade. No mundo adulto temos que olhar para os problemas, analisar e resolver. Não simplesmente fingir que não existe e deixar pra lá. Igual aquele bebezinho lindo que dentro da sua inocência tampa o rostinho e acha que está invisível, escondido do mundo. Ou aquela sua coleguinha de escola que achou ruim de você ter derrubado o saquinho de pipoca dela sem querer e simplesmente fica de mal sem nem te falar o porquê, quando você olha só vê meio metro de bico e cara amarrada. Substitui! Mulher, mulher de verdade, feminina pra valer sabe interpretar as situações, enfrentá-la e consegue sair da melhor forma possível e de lambuja extrai lições de tudo.

A reeducação comportamental através da substituição pode ser aplicada em várias áreas da sua vida! Sério mesmo! Basta verificar o comportamento que não está te levando para onde quer ir e comportar-se de forma diferente.

Claro, um coach ou um terapeuta pode te ajudar e muito nessa empreitada. Eu já ajudei várias mulheres a sentirem-se mais sensuais, seja através de cursos, de atendimentos ou um simples bate-papo. Só o fato de tocar no assunto, já te leva mais próximo do seu objetivo. Como eu disse, o importante é movimentar, mudar e se reinventar sempre que preciso!

Um beijo!

Tags:, , , ,

Comentários

comentários

Receba dicas e atualizações no seu e-mail: